terça-feira, abril 11, 2006

Guerreiro na Bélgica

Vou estar alguns dias no país que alberga o parlamento europeu e a sede das Nações Unidas.
Um país que com toda a certeza tem muita gente que se acha importante. Muita gente que decide sobre o futuro de outros. Mas que afinal, não se torna importante.

Se me pudesse cruzar com alguem, gostava que o destino a sorte ou o acaso me trouxessem um senhor chamado Paul Rusesabagina.
Em 1994 e perante uma das maiores barbáries humanas da história, a sua cor foi a da coragem, da devoção, da força e do Amor.

No Hotel que dirigia em Kigali no Rwanda, conseguiu livrar da matança 1298 pessoas.
Tutsi e Hutu. Não foi só importante. Foi o futuro de todos eles.
Será sempre dificil escrever sobre o que se passou naquele país. Tudo o que foi feito e tudo o que deveria ter sido feito.

Paul, agora a viver na Bélgica, foi um guerreiro. As nações não estiveram unidas mas ele sim.
Foi dos poucos que neste mundo não viraram as costas à demência humana

www.hrrfoundation.org


No genocidio do Ruanda, entre Abril e Junho de 1994, foram mortas cerca de 1 milhão de pessoas.
É o país com maior numero de crianças orfãs do mundo.

6 Comentários:

Blogger greentea disse...

vou ver melhor. hoje não q estou de partida. mas lerei o livro tb.
Um abraço.

10:24 da manhã  
Blogger Fátima Silva disse...

Hugo. Oxalá as tuas aspirações se concretizem e mesmo que não te cruzes com quem gostarias, tragas muita energia e força para continuares a excelente obra que vens realizando. Boa viagem!
Vou propor a todos um desafio. Pensei pedir auxílio à Fátima do Mundo Animal2 (http://mundoanimal2.blogspot.com/)para produzir um selo de campanha a favor da Amazónia (alertar as pessoas para a devastação da floresta: comercialização de árvores exóticas, devastação de áreas para o cultivo de soja). O que pretendo é slogans significativos que possam de algum modo constar no sêlo.
Podes enviar as tuas sugestões directamente para o Mundo animal2 ou para mim. Obrigada.

1:02 da tarde  
Blogger Fátima Silva disse...

Olha está lançado o desafio, sob a forma de post. Alterei um pouco a ideia que tinha originalmente para a tornar mais interactiva. Passa lá pelo cantinho, porque conto com a tua participação. Um beijinho.

4:03 da manhã  
Blogger Angela Ursa disse...

Parabéns ao corajoso guerreiro Paul! Beijos da Ursa, da floresta distante no Brasil :))

4:36 da manhã  
Blogger Karina Miotto disse...

pô, que coisa mais triste, que foto é essa...enfim...vamos fazer a nossa parte! né?
Estou passando por aqui para pedir um help. Na verdade não pra mim, mas para toda a sociedade, em nome do sofrimento dos animais.
Neste momento, focas estão morrendo a pauladas no Canadá por pura diversão. Na Austrália, uma maneira divertida aos australianos de comemorar a páscoa é matando coelhos. Se vc quiser saber mais sobre as matanças, tem infos a respeito no meu site.
Esse tipo de absurdo infelizmente não tem a devida divulgação na grande imprensa. E nós, pequenos bloggers e mídia especializada, podemos agir e atingir um número maior de pessoas. Objetivo: informação e conscientização.
Vamos passar a bola pra frente, conversar com as pessoas, acreditar na corrente do bem e transmitir mensagens de respeito aos animais. Vamos ensinar isso às crianças, aos jovens, donos das futuras gerações. A nossa não aprendeu isso ainda, mas se há futuro ainda há esperança. E dias melhores dependem de nossas ações.
Save the planet!
Karina Miotto

2:06 da tarde  
Blogger Mar disse...

Mesmo estando vc ausente, te desejo uma santa e abençoada Páscoa. Que vc consiga encontrar o guerreiro Paul, salvador de tanta gente. É isso que o mundo precisa: -adrenalina para o bem, sem medos, sem desistências. A luta que desbrava o espírito tornando-o santificado. Que a tua, a nossa Páscoa seja Santa. Boa sorte guerreiro!

11:21 da tarde  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial